Fluoxetina e Efeito Rebote


A Fluoxetina, tal como outros inibidores da recaptação da serotonina, é prescrita com bastante frequência para tratar transtornos de ordem psiquiátrica. É um fármaco eficaz no combate à ansiedade e à depressão, porém o consumo precisa ser conduzido com cuidado.

O principal problema associado à fluoxetina é o surgimento da síndrome de abstinência. Trata-se de conjunto de sintomas que podem acometer o indivíduo quando este decide interromper o tratamento por conta própria de forma repentina.

O organismo reage de modo diferente quando a administração é interrompida, de maneira que os sintomas que se manisfestam podem ser físicos e psicológicos. Normalmente estes sintomas regridem quando o tratamento é retomado.

A intensidade com a qual ocorre o chamado efeito rebote varia de um indivíduo para outro, não havendo, portanto, uniformidade nas reações apresentadas. O quadro de abstinência pode surgir de imediato ou mesmo levar até uma semana para o início dos sintomas que o constituem.

Entre os principais sintomas, podemos destacar: ansiedade, irritabilidade, cefaleia, dores musculares, alterações fáceis de humor, fadiga, vertigens e alteração de sensibilidade na pele.

Fonte: http://seligasaude.com/


Um comentário:

  1. Olá! Muito interessante esse tópico... O senhor saberia explicar quanto tempo levaria para os sintomas cessarem sem precisar retomar o trabamento?

    ResponderExcluir

Os artigos mais populares