Distribuição dos Fármacos


A distribuição dos fármacos representa o conjunto de processos envolvidos na passagem dos mesmos da circulação sistêmica para o interstício ou células dos tecidos.

A passagem do fármaco para o interstício tecidual depende, fundamentalmente, do fluxo sanguíneo, da permeabilidade capilar, do grau de ligação entre o fármaco e as proteínas plasmáticas e da sua estrutura química.

A intensidade do fluxo sanguíneo nos capilares teciduais oscila bastante em função da distribuição desigual do débito cardíaco para os vários locais do organismo. Essa distribuição é compreendida pelo estudo do chamado volume líquido de distribuição, no qual o fármaco está contido.

Após a introdução, qualquer que tenha sido a via de administração, o fármaco tem a capacidade de distribuir-se em quaisquer dos compartimentos hídricos do organismo ou ficar sequestrado em algum sítio celular.

Fonte: Fármacos & Medicamentos - Lourival Larini




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os artigos mais populares