Novo tratamento para doenças cardiovasculares


Cardiologistas brasileiros estão otimistas com um novo tratamento, que pode reduzir doenças cardiovasculares por meio de mecanismos imunológicos.

Resultados apresentados no Congresso Europeu de Cardiologia demonstraram que a novidade é capaz de inibir a aterosclerose, que pode ser entendida, para o público leigo, como o acúmulo de gorduras, colesterol e outras substâncias nas paredes das artérias. Quando atinge o coração ou o cérebro pode ser fatal.

O uso do referido fármaco, chamado de canaquinumabe, conseguiu reduzir em 15% o risco de eventos graves, como infarto e AVC.

Apesar do avanço extraordinário no combate às doenças cardiovasculares, o fármaco ainda tem um sério entrave: o aspecto financeiro. O custo do tratamento pode chegar a US$ 10 mil por ano, o que dá pouco mais de R$ 3 mil ao mês. 

Fonte: R7


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os artigos mais populares