Medicamentos biológicos são a nova aposta da saúde


Os medicamentos biológicos são o que há de mais avançado na área da saúde e continuam sendo a melhor aposta dos pesquisadores, além de representar uma esperança de tratamento para várias doenças crônicas. "Eles são a mais nova geração de medicamentos no mundo. São um grande avanço. Não são drogas, não causam dependência, têm baixos efeitos colaterais e exigem baixas doses para fazerem efeito", enumera o alergista Dr. José Carlos Perini.

Os biofármacos, como também são chamados, são produzidos de forma muito diferente dos medicamentos convencionais. A fabricação é complexa, feita a partir da manipulação genética de organismos vivos, e, por isso, são mais eficazes. E também muito mais caros.

No Brasil, milhares de pessoas já utilizam esses medicamentos pelo Sistema Único de Saúde (SUS), a maior parte deles vinda de fora. "Eles respondem por 51% do orçamento do Ministério da Saúde (MS). Mas há multinacionais no País produzindo os biológicos. Estamos investindo em fábricas. O objetivo é a nacionalização da tecnologia, o que vai gerar, de início, 40% de economia", diz o secretário de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos do MS, Marco Sireman.

Fonte: Bayer Notícias




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os artigos mais populares