Acebrofilina: adição molecular de teofilina e ambroxol


A acebrofilina é o resultado da adição molecular de teofilina e ambroxol, apresentando, assim, ação broncodilatadora, mucorreguladora e expectorante. Estas atividades farmacológicas ocorrem devido ao fato de haver a liberação da teofilina e do ambroxol in vivo, após a administração de uma dose.

A acebrofilina atua fragmentando e desagregando a organização do muco, de modo a reduzir sua viscosidade e adesividade, tornando as secreções mais fluidas para expectoração. Ocorre também estímulo da síntese de surfactante alveolar, favorecendo a explsão das secreções bronquiais e melhorando a capacidade de ventilação.

Considerando o efeito broncodilatador, há inibição do broncoespasmo, dispneia e sibilos, com melhora da função e do fluxo respiratório.

Fonte: BulasMed


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os artigos mais populares