Estudo identifica que depressão pode ser genética


Uma recente descoberta feita por cientistas da Universidade de Edimburgo, na Escócia, e divulgada na publicação científica “Nature Communications” mostra que existem cerca de 80 genes que podem funcionar como gatilhos para desencadear uma depressão.




As causas da depressão podem vir de traumas ou estresses, mas ainda não está claro por que algumas pessoas são mais propensas a desenvolver a doença do que outras.

Os pesquisadores analisaram o código genético de 300 mil pessoas para encontrar as partes do DNA que poderiam estar relacionadas à depressão. Num segundo momento, pediram autorização para usar as informações coletadas pelo banco de dados genéticos para fazer as comparações.




“O estudo identifica os genes que têm potencial para aumentar nosso risco de desenvolver uma depressão, servindo como evidência de que a doença também é um distúrbio genético”, apontou David Howard, pesquisador que coordenou o relatório.

A partir deste ponto, a descoberta pode ajudar a compreender melhor as causas da depressão.

Fonte: hypeness.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os artigos mais populares